Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Poética licença poética’ Category

Aos que passam por aqui,

fico sempre muito feliz com cada um que visita meus olhares e sensações deixadas neste espaço. Nestes posts passam-se histórias de vida e amor que cada um desses casais me deram a honra de transformar em memória.

Por quatro anos dediquei quase todos meus finais de semana para registrar as trocas, carinhos, sabores e alegrias de todas essas pessoas; um período muito prazeroso e de dedicação intensa a tudo que me foi confiado.

No começo deste ano tive a sensação de que deveria fazer para mim mesma tudo que tenho feito pelos outros… realizar sonhos!!! Foi então que decidi realizar uma vontade antiga e muito latente… dar a volta ao mundo. Foram seis mêses de preparação, organização, planejamentos e sensações para que tudo isso se tornasse viável.

Entre 05 de outubro de 2012 e 05 de Abril de 2013 estarei por ai… neste mundo afora me inspirando, me colorindo, me descobrindo, enfim… recebendo o que de bom a vida tem a me oferecer.

Tudo foi cuidado para que os clientes antigos tivessem seus processos de edição e paginação de álbum desenvolvidos normalmente por uma pessoa da equipe.

Para os futuros queridos clientes deixei uma pessoa de confiaça que trabalha comigo há dois anos responsável pelos envios de orçamentos, reuniões e fechamentos de contrato. Para tal favor entrar no site: www.marinafavato.com e enviar uma mensagem pelo contato que brevemente terá resposta.

Aos que quiserem me acompanhar nessa jornada me encontram aqui: www.vastomundomeu.com.br

Até a volta!!!

Marina

Read Full Post »

No clarear de um novo dia
O primeiro pensamento que me vem a cabeça
É exatamente o último que ocupava meus sonhos
No breve momento que antecede o despertar

A constância que tens dentro de mim
Só tem pausas entre o suspirar do desejo
E o toque agudo da saudade

Essa forma de amor latente
Perpetua arrepios na superfície da pele
Que treme na falta dos carinhos seus

Eis o que me balança
É o que me põe de volta no lugar

Es assunto incessante no meu ideal de felicidade

Marina Favato

Read Full Post »

Do que se vai
Fica o sentido do gosto

O sonhar realizado e inacabado
A eternidade do momento
Em sobreposição das circunstâncias
Do antes e do agora

Vai
Mas
Deixa

Um rastro estendido
Do finito encantamento

A memória perpétua
Do que transbordou entre as almas

Marina Favato

Read Full Post »

É no espaço das horas
Que meu coração ecoa
A vontade de te ter junto a mim

No badalar do meu peito
A palavra que soa é
Saudade

Que os minutos se acertem

Que os ponteiros
Certeiros
Marquem denovo o momento
De estar ao seu lado

Tic Tac

Marina Favato

Read Full Post »

Como se fosse possível…

Me encanto a cada novo gesto que me concede
A cada nova palavra que me descreve
Ao que descreve de nós
Ao que murmura aqui dentro
E espalha ao quatro cantos

Me encanto com as possibilidades que me oferece
Com meus sonhos que realiza
Com a vontade que me impulsiona
Com o amor incondicional que despeja sobre mim

E em nós
Encantados por sermos parte do encanto
Nos encantamos a cada novo instante
A cada novo olhar
A cada nova sílaba
A cada gesto de amor

Marina Favato

Read Full Post »

Parece até que foi encomendado
Esse nosso amor alado
Que dá asas a imaginação

Veio preciso e certo
Com ares de afeto
Com sabor de inspiração

Meu peito padece de fato
De um sentimento nato
O qual aqui eu relato
não pude dizer não

Marina Favato

Read Full Post »

É impressionante
Como as pessoas
Se cristarizam
Perante a presença do amor

E seus olhos não piscam
E a cabeça não mexe
Nem a respiração se pode escutar

E elas observam caladas
E observam pacatas
A ternura do sentimento
Que paira no ar

Marina Favato

Read Full Post »

Older Posts »